Abril é um mês de entressafra no cinema. É a transição entre a “Temporada Ouro” dos Oscars e outras premiações e a “Temporada Pipoca” dos blockbusters das férias de Julho. Um mês que tradicionalmente emplaca documentários no pódio (Esse ano foram dois!) e de baixa média geral (5,46). Um mês peculiar que consagrou Eu Te Amo, Cara o melhor filme do mês e Velozes e Furiosos 4, um dos piores filmes do ano!


Eu Te Amo, Cara | John Hamburg

“Depois de anos de um namoro atrás do outro, o corretor imobiliário Peter Klaven descobre que sua falta de amizades masculinas preocupa sua noiva, Zooey Rice. A partir daí, ele inicia uma busca desesperada por um amigo e padrinho de casamento e conhece, por acaso, o carismático “pretendente” Sydney Fife. Os dois acabam embarcando em um relacionamento que ensina Peter algo que ele desconhece, o verdadeiro significado da amizade entre homens. Mas isso também ameaça sua relação com Zooey, fazendo com que tenha que tomar difíceis decisões.”

Assessoria de Imprensa | Paramount Pictures Brasil

Ranking do Mês [*]
1 [9] Eu Te Amo, Cara | John Hamburg – 7,57
2 [14] O Equilibrista | James Marsh – 7,22
3 [18] Valsa com Bashir | Ari Folman – 7,00
4 [21] Vocês, Os Vivos | Roy Andersson – 6,90
5 [22] Katyn | Andrzej Wajda – 6,83
6 [25] Monstros Vs. Alienigenas | Rob Letterman & Conrad Vernon – 6,61
7 [26] Presságio | Alex Proyas – 6,44
8 [36] Sinédoque, Nova York | Charlie Kaufman – 5,70
9 [37] Divã | José Alvarenga Jr. – 5,61
10 [41] W. | Oliver Stone – 5,22
11 [51] Velozes e Furiosos 4 | Justin Lin – 3,50

*POSIÇÃO [POSIÇÃO NO ANO] FILME | Diretor – Nota

Filmes Abaixo da Amostragem de 10%
– [–] Terra | Mark Linfield – 7,83
– [–] Mataram Irmã Dorothy | Daniel Junge – 6,75
– [–] Fiel | Andrea Pasquini – 5,50
– [–] Território Restrito | Wayne Kramer – 5,50
– [–] Tony Manero | Pablo Larraín – 5,10
– [–] Fumando Espero | Adriana Dutra – 5,00
– [–] Anjos da Noite : A Rebelião | Patrick Tatopoulos – 4,50
– [–] A Montanha Enfeitiçada | Andy Fickman – 4,00
– [–] Por Amor | David Hollander – 2,50
– [–] Evocando Espíritos | Peter Cornwell – 3,00
– [–] Dragonball Evolution | James Wong – 1,75
– [–] Eu Odeio o Dia dos Namorados | Nia Vardalos – Sem Nota
– [–] Honeydripper | John Sayles – Sem Nota
– [–] Lanchoneye Olympia | Steve Barron – Sem Nota
– [–] Os Delírios de Consumo de Becky Bloom | P.J. Hogan – Sem Nota


O Equilibrista | James Marsh

“Vencedor do último Oscar de documentário, O Equilibrista tem um ritmo que remete um pouco a Rififi e Missão Impossível ao mostrar todo o planejamento de Philippe Petit para assombrar Nova York, 27 anos antes do ataque terrorista que botou abaixo o palco de seu show inesquecível (dessa vez, felizmente, o “terrorismo” foi artístico). Criado com enorme pretensão, e tendo um fim trágico, ao menos pode-se dizer que o World Trade Center teve um instante mágico de presenciar um homem desafiando a morte e o bom-senso com uma performance inigualável”

Marcelo Rennó | Movieland

Rankings Alternativos

Filme Mais Popular: Maior Amostragem
Valsa com Bashir | Ari Folman [28%]

Filme “Ame ou Deixe”: Maior diferença entre maior e menor nota
Por Amor | David Hollander [7,5 pts]

Filme Mais Amado: Maior Ocorrência de Notas 10
Valsa com Bashir | Ari Folman [1x]

Filme Mais Odiado: Maior Ocorrência de Notas 0
Por Amor | David Hollander [2x]

Filme Mais Polêmico: Maior Desvio Médio
Sinédoque, Nova York | Charlie Kaufman [+/- 1,5]


Valsa com Bashir | Ari Folman

“Valsa com Bashir, de Ari Folman, tem uma grande vantagem em seu formato (que não deixa de ser também a evolução mediática do que Joe Sacco já fazia nos quadrinhos): transforma o que seria um comum documentário em primeira pessoa sobre a busca de uma memória em uma animação documental, com todas as liberdades que o formato permite. Nisso, surge a mais bela cena do filme, justamente por não se prender no relato do factual: quando a embarcação explode, o personagem, à deriva, escapa no colo de uma espécie de musa. A apropriação da ferramenta não é à toa, na busca de uma memória, muita coisa deixa de ser, necessariamente, real..”

Gabriel Carneiro

Ranking 2009 [**]
1 [1] Gran Torino | Clint Eastwood – mar – 8,86
2 [2] O Lutador | Darren Aronofsky – fev – 8,19
3 [3] Beijo na Boca, Não! | Alain Resnais – jan – 8,00
4 [4] Entre os Muros da Escola | Laurent Cantet – mar – 7,97
5 [5] A Troca | Clint Eastwood – jan – 7,90
6 [6] Milk – A Voz da Igualdade | Gus Van Sant – fev – 7,83
7 [7] Bolt – Supercão | Chris Williams – jan – 7,81
8 [8] A Bela Junie | Christophe Honoré – jan – 7,74
9 [–] Eu Te Amo, Cara | John Hamburg – abr – 7,57
10 [9] Simplesmente Feliz | Mike Leigh – mar – 7,41

**POSIÇÃO ATUAL [POSIÇÃO ANTERIOR] FILME | Diretor – mês de Lançamento – Nota